NOTA DE REPÚDIO – ABERSSESC repudia o tratamento dado aos Sargentos do CEPM




A diretoria da ABERSSESC lança nota de repúdio após constatar que a direção do Centro de Ensino da Polícia Militar está escalando os 3ºs Sargentos daquela Casa para realizar funções de guarda do Quartel por falta de efetivo para compor a escala.


O presidente da Associação, Subtenente Flávio Hamann, recebeu diversas denúncias dos Sargentos e constatou o desvio de função e o desrespeito com os Sargentos de carreira que sempre buscaram crescer e se destacar em suas atividades. “Na Casa de Ensino é onde se devem cumprir os regulamentos e princípios militares”, destacou Hamann, que completou: “neste caso, não está sendo dado o exemplo, nem cumprindo o princípio da hierarquia”.


A diretoria da entidade repudia tal atitude, já que todos devem ser respeitados nas carreiras que tanto almejaram, esclarece que está em contato com o Comando-Geral da Corporação para que sejam tomadas as devidas providências relativas ao impasse e deixou a assessoria jurídica da associação à disposição dos Sargentos do CEPM.

Destaques
Últimas Notícias
Arquivo
Procurar por assunto
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
Siga