QOA e representação política são assuntos da reunião entre presidentes da ABERSSESC e ACORS

 

1/2

 

O presidente da ABERSSESC, Subtenente Flávio Hamann, recebeu na tarde da última terça-feira (19), o presidente da Associação de Oficiais Militares de Santa Catarina – ACORS, Coronel da reserva remunerada Sérgio Luis Sell. Em pauta dois assuntos importantes para os militares: a representação política nas eleições municipais deste ano e o Quadro de Oficiais Auxiliares (QOA).

 

A ABERSSESC comunicou ao presidente da ACORS que a entidade pretende desenvolver um trabalho de apoio aos militares que sairão candidatos a prefeito ou vereadores nas eleições municipais do dia 02 de outubro de 2016 e solicitou a ACORS para que juntemos forças e consigamos um número expressivo de eleitos. “Precisamos unir as associações para consiguir colocar representantes militares nos governos municipais deste ano”, afirmou Hamann, que completou “devemos pensar como militares e não como oficiais ou praças”.

 

Ao concordar com o presidente da ABERSSESC, o Cel RR Sell disse que a entidade, a qual representa, também fará esse apoio “precisamos da união de todos os militares para conseguir progressos em nível municipal, estadual e até mesmo federal, pois somente assim conseguiremos manter uma força política”, concluiu o presidente da ACORS.

 

Quanto ao QOA, o presidente da ABERSSESC, Subtenente Flávio Hamann entregou ao presidente da ACORS, Coronel RR Sérgio Luis Sell uma exposição de motivos e um parecer jurídico para explicar a importância da implantação do Quadro de Oficiais Auxiliares. “Precisamos pensar no QOA como um interesse institucional de economia e de valorização da profissão”, afirmou Hamann.

 

O Cel RR Sell por sua vez, afirmou que a ACORS não é contra o QOA, mas é preciso analisar a melhor forma de implantação e permanência do mesmo. “Nós vamos estudar e avaliar estes documentos, esperar os pareceres das comissões instauradas pela Polícia e Corpo de Bombeiros Militares para aí sim conversar como nossos associados e oficiais de todo o Estado”, disse o presidente da ACORS.

 

O QOA é um quadro complementar da carreira dos praças da Polícia e do Corpo de Bombeiro Militares. Ele possibilita ao Subtenente (última graduação da carreira dos praças) chegar até o posto de Capitão em um período de nove anos. O QOA é importante porque incentiva à permanência dos Subtenentes nas corporações. Ele, também oportuniza que os policiais e bombeiros militares mais experientes sejam aproveitados em atividades administrativas. 

 

Fotos: Rafaela Dornbusch 

Please reload

Destaques

Conheça os contemplados para as cabanas durante a Temporada de Verão

10/11/2019

1/10
Please reload

Últimas Notícias