Buscar
  • Rafaela Dornbusch - MTB/SC - 2630

ABERSSESC manifesta solidariedade ao comandante-geral da PMSC após declarações do presidente da Comi


A ABERSSESC vem através do seu presidente, subtenente Flávio Hamamm, manifestar-se em apoio ao comandante-geral da Polícia Militar, coronel Paulo Henrique Hemm, após as declarações do presidente da Comissão de Direitos Humanos da Ordem dos Advogados Brasil (OAB) de Santa Catarina, Sandro Sell, sobre a atuação dos policiais militares nas manifestações populares dos dias 31 de agosto e 2 de setembro de 2016. A nota, divulgada na imprensa, conclama para que os policiais militares tratem os manifestantes com respeito e os deixem exercer a democracia.

O ofício do comandante-geral da PMSC esclarece que em nenhum momento os manifestantes foram impedidos de exercer suas passeatas com respeito e com civilidade. Visto que, os agentes públicos somente agiram quando foram ameaçados e quando vândalos tentaram, e por vezes conseguiram, depredar o patrimônio público, atear fogo em lojas e agências bancárias e, ainda, cometer pequenos furtos. É dever da Polícia Militar proteger e combater crimes desta natureza. Todas as manifestações populares, quando pacíficas, têm o acompanhamento dos agentes públicos que estão ali para prestar segurança e proteger os manifestantes, além de ajudar na fluidez do trânsito para que maiores transtornos não aconteçam. Com o texto publicado na imprensa, dá-se a impressão que a Polícia Militar é quem inicia os confrontos com os vândalos, que por ventura, se infiltram nas passeatas.

A ABERSSESC se solidariza com os policiais militares que trabalharam naquela noite e que realizaram seu trabalho com presteza e honradez e explica que os policiais militares, são treinados para respeitar o cidadão e agir apenas quando necessário como aconteceu na última sexta-feira (2).

A ABERSSESC mostra-se solidária ao comando-geral da Corporação e tem a mais absoluta certeza que o trabalho desenvolvido pelos policiais militares naquela noite foi na defesa da civilidade e do patrimônio público.

Flávio Hamamm

Presidente da ABERSSESC


2 visualizações